Outubro Rosa é tempo de enfatizar campanhas na luta internacional contra o câncer de mama (o que mais mata mulheres no mundo) e no colo do útero. A estimativa é que pelo menos 627 mil morrem ao ano e mais de um milhão são diagnosticadas no mundo. Já o câncer de colo de útero faz 250 mil vítimas, segundo a Organização Mundial de Saúde. No Brasil, o desafio, segundo a professora de enfermagem, Juliane Sampaio, também é a prevenção e diagnóstico das duas doenças em vista de um sistema público de saúde com filas de atendimento maiores nas grandes cidades. Confira a entrevista: O que é o Outubro Rosa? Como é a conscientização? Aqui no Brasil a gente fez uma adaptação do Outubro Rosa. A gente faz um diagnóstico da população saudável de mulheres, a partir dos 50 anos elas entram em um critério de rastreamento do Ministério da Saúde e acabamos expandindo também para fazer a busca do câncer de colo de útero.

Outubro Rosa é tempo de enfatizar campanhas na luta internacional contra o câncer de mama (o que mais mata mulheres no mundo) e no colo do útero. A estimativa é que pelo menos 627 mil morrem ao ano e mais de um milhão são diagnosticadas no mundo. Já o câncer de colo de útero faz 250 mil vítimas, segundo a Organização Mundial de Saúde. No Brasil, o desafio, segundo a professora de enfermagem, Juliane Sampaio, também é a prevenção e diagnóstico das duas doenças em vista de um sistema público de saúde com filas de atendimento maiores nas grandes cidades.

Confira a entrevista:

O que é o Outubro Rosa? Como é a conscientização?

Aqui no Brasil a gente fez uma adaptação do Outubro Rosa. A gente faz um diagnóstico da população saudável de mulheres, a partir dos 50 anos elas entram em um critério de rastreamento do Ministério da Saúde e acabamos expandindo também para fazer a busca do câncer de colo de útero.

Fonte jornal de brasilia


Deixe seu Comentário